Terroristas suicidas matam cerca de 50 pessoas no Iraque

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Iraq-CIA WFB Map.png

11 de julho de 2005

Um onda de ataques suicidas provocou a morte de pelo menos 48 pessoas e feriu outras dezenas no domingo (10), no Iraque. A organização terrorista Al Qaeda assumiu a responsabilidade pelo ataque numa página da internet, contudo as autoridades ainda não confirmaram a autenticidade da declaração.

Domingo, um homem cheio de explosivos em sua roupa, entrou dentro de um centro de recrutamento militar em Bagdá, e explodiu a si mesmo, o que provocou a morte de pelo menos 25 pessoas e deixou feridas cerca de 50. Acredita-se que a maioria dos mortos seja formada por recrutas.

Vários carros-bombas explodiram pelo país. Perto da fronteira com a Síria dois carros-bombas explodiram e mataram pelo menos sete policiais iraquianos. Em Mosul, outro carro-bomba explodiu e matou cinco policiais.

Em Kirkuk um carro-bomba matou pelo menos quatro civis. Um segundo carro-bomba que também iria explodir foi descoberto pelas tropas americanas e detonado em segurança.

Dois carros-bombas explodiram perto de Fallujah e mataram um civil iraquiano e feriram um soldado americano.

Fontes