Separatistas não conseguem impedir ônibus de cruzar a Cachemira

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mapa da Cachemira onde pode ser vista marcada a região territorial em disputa. Em cinza está assinalada a Linha de Controle, onde houve cessar fogo.

10 de abril de 2005

Dia 7 de abril um ônibus conseguiu cruzar a região em disputa da Cachemira, entre a Índia e o Paquistão, apesar de ter sido atacado no início da viagem. Supostamente separatistas islâmicos lançaram granadas na direção do ônibus depois que ele partiu da estação em Srinagar. Contudo, o veículo resistiu ao ataque e pôde continuar a viagem.

Apesar de os passageiros do ônibus terem escapados ilesos, o ataque feriu quatro outras pessoas, inclusive um policial. As autoridades indianas também localizaram e neutralizaram pelo menos um dispositivo explosivo colocado ao longo do itinerário do ônibus.

O serviço de transporte oferecido pelo ônibus, é o primeiro da sua espécie em quase 60 anos. Ele transportou caxemiros paquistaneses e indianos através da região em conflito, e passou pela linha de cessar fogo entre a Índia e Paquistão, chamada Linha de Controle. As viagens de ônibus, que ocorrem entre Srinagar e Muzaffarabad, são vistas como um passo importante para fomentar as relações pacíficas crescentes entre a Índia e o Paquistão.

Os dois países contém armas nucleares e disputam a região da Cachemira há mais de 50 anos.

Fontes