Revista alemã provoca furor com imagem de Trump decapitando a Estátua da Liberdade

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

5 de fevereiro de 2017

O semanário alemão Der Spiegel provocou controvérsia no país e no exterior no sábado, 4 de fevereiro, com uma ilustração da capa do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, decapitando a Estátua da Liberdade.

Ele retrata uma figura de desenho animado de Trump com uma faca ensanguentada em uma mão e a cabeça da estátua pingando de sangue na outra. Ele carrega a legenda: "America First".

A capa desencadeou um debate no Twitter e na mídia alemã e internacional, com Alexander Graf Lambsdorff, membro do Partido Democrático Liberal (FDP) e vice-presidente do Parlamento Europeu, descrevendo-a como "sem gosto".

A capa segue uma série de ataques contra as políticas de Berlim por Trump e seus assessores, marcando uma rápida deterioração nas relações da Alemanha com os Estados Unidos. A chanceler Angela Merkel foi a aliada europeia do ex-presidente dos EUA, Barack Obama, que a elogiou como "uma excelente parceira".

Uma imagem semelhante, mostrando Trump com a cabeça da Estatua da Liberdade em uma das mãos e na outra uma espada, com o corpo decapitado da estatua aos seus pés, tinha sido a primeira pagina do jornal nova-iorquino "NY Daily News" em 9 de dezembro de 2015. A pagina tinha o poema "First They Came" de Martin Niemöller, um pastor protestante oponente de Adolf Hitler.


Cquote1.png

"Quando Trump veio buscar os mexicanos, eu não falei nada - porque eu não era um mexicano. Quando veio buscar os muçulmanos, eu não falei nada - porque eu não era um muçulmano. Então veio buscar mim ..."

Cquote2.svg
Martin Niemöller




Fonte

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati