Principais equipes da Fórmula 1 anunciam criação de competição paralela

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

19 de junho de 2009

A Fota (Associação das Equipes da Fórmula 1) anunciou nesta quinta-feira (18) que não concorda com as condições da FIA (Federação Internacional de Automobilismo) para a realização do Mundial da categoria em 2010 e que planeja criar um campeonato paralelo.

Ferrari, McLaren, Renault, BMW Sauber, Toyota, Brawn GP, Red Bull Racing e Scuderia Toro Rosso reuniram-se na sede da Renault e decidiram não acatar o teto orçamentário de £ 40 milhões (US$ 64,2 milhões) que é opcional, mas garante vantagens para quem o adotar.


Cquote1.png

As equipes não podem continuar a arriscar os valores fundamentais do esporte e se negaram a alterar suas inscrições condicionais para a temporada de 2010. Os times não têm alternativa a não ser se preparar para um novo campeonato, que reflita os valores de seus participantes e parceiros. Esta categoria terá um governo transparente, um regulamento, além de encorajar novas inscrições e ouvir os anseios dos fãs, oferecendo ingressos mais baratos. Os melhores pilotos, estrelas, marcas, patrocinadores e promotores historicamente associadas com o mais alto nível do automobilismo estarão na nova categoria

Cquote2.svg
Comunicado da Fota, sobre a criação da nova categoria




Segundo a Agência Reuters, o presidente da FIA, Max Mosley, estava disposto a fazer concessões às escuderias, como o aumento do teto para 100 milhões em 2010. Das atuais participantes do campeonato, apenas Williams e Force India estarão na temporada de 2010 da Fórmula 1.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati