Principais equipes da Fórmula 1 anunciam criação de competição paralela

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

19 de junho de 2009

A Fota (Associação das Equipes da Fórmula 1) anunciou nesta quinta-feira (18) que não concorda com as condições da FIA (Federação Internacional de Automobilismo) para a realização do Mundial da categoria em 2010 e que planeja criar um campeonato paralelo.

Ferrari, McLaren, Renault, BMW Sauber, Toyota, Brawn GP, Red Bull Racing e Scuderia Toro Rosso reuniram-se na sede da Renault e decidiram não acatar o teto orçamentário de £ 40 milhões (US$ 64,2 milhões) que é opcional, mas garante vantagens para quem o adotar.


Cquote1.png

As equipes não podem continuar a arriscar os valores fundamentais do esporte e se negaram a alterar suas inscrições condicionais para a temporada de 2010. Os times não têm alternativa a não ser se preparar para um novo campeonato, que reflita os valores de seus participantes e parceiros. Esta categoria terá um governo transparente, um regulamento, além de encorajar novas inscrições e ouvir os anseios dos fãs, oferecendo ingressos mais baratos. Os melhores pilotos, estrelas, marcas, patrocinadores e promotores historicamente associadas com o mais alto nível do automobilismo estarão na nova categoria

Cquote2.svg
Comunicado da Fota, sobre a criação da nova categoria




Segundo a Agência Reuters, o presidente da FIA, Max Mosley, estava disposto a fazer concessões às escuderias, como o aumento do teto para 100 milhões em 2010. Das atuais participantes do campeonato, apenas Williams e Force India estarão na temporada de 2010 da Fórmula 1.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati