Presidente do Peru substitui mais da metade dos ministros de seu gabinete

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

Ollanta Humala

12 de dezembro de 2011

O presidente do Peru, Ollanta Humala, substituiu dez dos 18 ministros de seu gabinete. A reforma ministerial alterou as pastas da seguinte forma: a Agricultura passa a ser liderada por Luis Ginocchio; a Justiça, por Juan Jiménez; a área de políticas para mulheres, por Ana Jara; o Interior, por Daniel Lozada; a Defesa, por Alberto Otárola; a Cultura, por Luis Peirano; o Trabalho, por Luis Villena; a Produção, por José Urquizo; a área de Minas e Energia, por Jorge Humberto Merino; e o Meio Ambiente, por Manuel Pulgar Vidal.

Foram mantidos os ministros da Economia, Luis Miguel Castilla; de Relações Exteriores, Rafael Roncagliolo; de Desenvolvimento e Inclusão Social, Carolina Trivell; da Educação, Patricia Salas; dos Transportes, Carlos Paredes; de Comércio Exterior, José Silva; de Habitação, René Cornejo; e da Saúde, Alberto Tejada.

Durante cerimônia ontem (11) no Palácio do Governo, Óscar Valdés Dancuart assumiu o posto de primeiro-ministro do governo peruano, depois que Salomón Lerner renunciou ao posto no último sábado (10).

Fonte[editar]

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati