Presidente do Peru substitui mais da metade dos ministros de seu gabinete

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

Ollanta Humala

12 de dezembro de 2011

O presidente do Peru, Ollanta Humala, substituiu dez dos 18 ministros de seu gabinete. A reforma ministerial alterou as pastas da seguinte forma: a Agricultura passa a ser liderada por Luis Ginocchio; a Justiça, por Juan Jiménez; a área de políticas para mulheres, por Ana Jara; o Interior, por Daniel Lozada; a Defesa, por Alberto Otárola; a Cultura, por Luis Peirano; o Trabalho, por Luis Villena; a Produção, por José Urquizo; a área de Minas e Energia, por Jorge Humberto Merino; e o Meio Ambiente, por Manuel Pulgar Vidal.

Foram mantidos os ministros da Economia, Luis Miguel Castilla; de Relações Exteriores, Rafael Roncagliolo; de Desenvolvimento e Inclusão Social, Carolina Trivell; da Educação, Patricia Salas; dos Transportes, Carlos Paredes; de Comércio Exterior, José Silva; de Habitação, René Cornejo; e da Saúde, Alberto Tejada.

Durante cerimônia ontem (11) no Palácio do Governo, Óscar Valdés Dancuart assumiu o posto de primeiro-ministro do governo peruano, depois que Salomón Lerner renunciou ao posto no último sábado (10).

Fonte[editar]

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati