Povo ainu é reconhecido pelo Japão

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

6 de junho de 2008

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

O Parlamento japonês reconheceu hoje os ainus como um povo indígena com língua, religião e cultura própria, pois até então estavam privados de existência legal. Eles são milenares no arquipélago e, a maioria, vive há anos na ilha de Hokkaido, no norte, considerada a fronteira selvagem do país.

O reconhecimento tem caráter simbólico, porém o governo quer aproveitar e ajudar os ianus, já que estão entre os habitantes mais pobres do Japão. Principalmente em questões de educação e emprego. Apenas 17% deles conseguem diplomas universitários.

Hoje, existem 70 mil ainus no país que vivem da caça e da pesca. Eles perderam muitas terras em 1899 quando foi instaurada a “Lei sobre os antigos aborígenes de Hokkaido”. Em 1997, esta lei foi trocada por outra que defendia a proteção das tradições deste povo, mas não os reconhecia como indígenas.

Fontes