Polônia deixará tratado europeu de violência contra mulheres

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

25 de julho de 2020

A Polônia deve se retirar de um tratado europeu destinado a prevenir a violência contra as mulheres, anunciou o ministro da Justiça do país no sábado. O tratado é formalmente conhecida como "Convenção do Conselho da Europa para prevenir e combater a violência contra as mulheres e a violência doméstica".

Zbigniew Ziobro disse que o documento, conhecido como também como Convenção de Istambul, é "prejudicial" porque exigia que as escolas ensinassem as crianças sobre gênero.

Ele acrescentou que as reformas introduzidas no país nos últimos anos forneceram proteção suficiente para as mulheres.

Milhares de mulheres protestaram contra a mudança nas cidades da Polônia neste fim de semana.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com