Partido do primeiro-ministro Shinzo Abe alcança vitória nas eleições parlamentares japonesas

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Shinzo Abe, primeiro-ministro japonês.
Foto: Stemoc.

15 de dezembro de 2014

Tóquio, Japão — O conservador Partido Liberal Democrata (PLD) do primeiro-ministro japonês, Shinzō Abe, tornou-se o vencedor das eleições antecipadas realizadas no domingo (14).

O PLD já obteve 253 dos 475 assentos que compõe a Câmara Baixa da Dieta do Japão melhorando seus resultados nas eleições de 2012. Seu aliado, o partido budista Novo Komeito obteria entre 31 e 36 assentos, o que iguala os resultados à anterior jornada eleitoral. Com estes resultados, a coalizão governista poderá governar com comodidade a maioria absoluta (de 266 deputados).

Na mudança, o opositor Partido Democrático obteve entre 61 e 87 assentos, o que melhoraria seu resultado desastroso em 2012, quando perdeu o poder. Da mesma forma o Partido Comunista poderá aumentar até 24 assentos, triplicando sua força política.

Devido à pouco interesse do povo japonês na política, o nível de abstencionismo nas eleições foi altíssimo (com uma participação dos 52,4%).

A vitória nas eleições antecipadas supõe um selo de aprovação para execução das medidas econômicas (chamadas "Abenomics"), que resgatariam a golpeada economia que está sofrendo uma deflação com estímulos fiscais, flexibilização monetária e uma substancial investimento público. Da mesma forma, com a vitória de Abe supõe um apoio às medidas de caratér nacionalista, vistas com receio pela Coreia (do Norte ou Sul?) e China.

Fontes[editar]

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati