Parlamento Europeu presta homenagem aos 12 mortos no atentado ao Charlie Hebdo

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

10 de janeiro de 2015

União Europeia

Na primeira sessão plenária do Parlamento Europeu deste ano começa, na segunda-feira (12), em Estrasburgo, os eurodeputados vão homenagear os 12 mortos no atentado contra o semanário satírico francês Charlie Hebdo. Na sessão de abertura, o presidente do hemiciclo europeu, Martin Schulz, falará sobre os ataques terroristas em Paris, seguindo-se um minuto de silêncio.

A questão do combate ao terrorismo voltará à discussão no dia seguinte (13), no primeiro debate do novo presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, com os eurodeputados e contará ainda com a presença do presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker. Os eurodeputados vão também debater com a Comissão Europeia e o Conselho da União Europeia as medidas previstas para o reforço da luta contra a criminalidade organizada e a corrupção no espaço europeu.

Na terça-feira será assinalado o 70º aniversário da libertação do campo de concentração e extermínio nazista de Auschwitz-Birkenau, em janeiro de 1945, onde morreram cerca de 1,1 milhão de pessoas. Na agenda da sessão plenária, que termina na quinta-feira, consta ainda a votação de um relatório do eurodeputado João Ferreira (PCP) que recomenda a aprovação de um novo protocolo ao acordo de pesca entre a União Europeia (UE) e São Tomé e Príncipe, que autoriza 34 navios de Espanha, França e Portugal a pescar nas águas deste país.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati