Paraguai: Lugo destitui comandantes militares

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
O presidente paraguaio, Fernando Lugo. Foto:Wilson Dias/ABr

5 de novembro de 2009

O presidente do Paraguai, Fernando Lugo, destituiu nesta quarta-feira (4) os comandantes do Exército, da Marinha e da Força Aérea. A mudança, a segunda neste ano e a quarta desde a posse de Lugo na Presidência, em 15 de agosto de 2008, foi anunciada depois de uma reunião com altos comandantes militares. Havia rumores de uma tentativa de golpe de Estado, desmentidos pelo governo paraguaio.

Segundo a Agência Reuters, citando informações da imprensa paraguaia, a reformulação militar vem após Lugo supostamente ser informado que alguns oficiais de alta patente se reuniram com parlamentares da oposição durante o fim de semana.


Cquote1.png

Posso lhes assegurar, como comandante-em-chefe das Forças Armadas da Nação, que institucionalmente não há perigo de golpe, pelo menos, promovido pelos militares

Cquote2.svg
Fernando Lugo, em entrevista coletiva




Esse rumores foram alimentados pelo aquartelamento de alguns militares que, segundo o governo local, teria a ver com a manutenção de tanques de fabricação brasileira feitas no estado de Mato Grosso do Sul.


Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati