Papa Francisco visita Guayaquil, Equador

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

6 de julho de 2015

O papa Francisco visitou a cidade de Guayaquil, como parte de sua visita pastoral ao Equador. É a segunda vez que um Papa visita a cidade; no entanto, Jorge Mario Bergoglio já havia visitado anteriormente a Guayaquil, quando desempenhava-se como provincial dos jesuítas argentinos. A visita durou cerca de 7 horas.

Na manhã de 6 de julho, às 09hs35min, chegou o airbus da companhia aérea Alitalia que o transportou do Quito. O pontífice foi recebido por várias autoridades como o presidente da nação Jorge Glas, o prefeito guayaquilenho Jaime Nebot, o chanceler Ricardo Patiño, o governador e o prefeito guayasenses. Houve uma pequena cerimônia com uma corte de honra integrada por sessenta crianças de distintas etnias e outras crianças coroinhas.

O sumo pontífice foi conduzido até o Santuário da Divina Misericórdia, na qual rezou e abençoou a multidão de fiéis que se reuniram congregado lá para recebê-lo. Seu tempo por este santuário foi breve e especial, devido a que a princípios deste ano, ele declarou o "Jubileu da Divina Misericórdia", a ser realizada entre o final de 2015 até 2016.

Francisco foi transportado rapidamente até o norte da cidade, ao parque Samanes, onde o oficializou uma missa campal desde às 11hs15min, na qual se centrou em uma mensagem para a família. No parque Samanes haviam se reunido milhares de fiéis de distintas partes do país, inclusive do exterior, na qual haviam pernoitaram no recinto desde dia anterior. No templo papal, de onde oficializou a missa, se encontraram as maiores imagens da fé católica guayaquilenha: o Cristo do Consuelo e a Virgem Maria Mãe de Guayaquil.

Concluída a missa, o papa foi levado até o colégio Javier, na qual visitou em 1980 e 1983, para reunir-se a um almoço com a comunidade de jesuítas que regenta dita instituição.

Finalmente, o Papa Francisco foi transportado novamente até a pista da Base Aérea de Simon Bolivar às 16hs38min, de onde se despediu de Guayaquil e partiu até a capital equatoriana para seguir com o programa de sua visita oficial ao país.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati