OMS declara a pólio erradicada na África

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

30 de agosto de 2020

O Continente Africano teve muito o que comemorar no início desta semana: no dia 25 de agosto, terça-feira passada, a OMS declarou a África "zona livre da pólio". Segundo a organização, o continente não registra um novo caso há pelo menos quatro anos.

"O mundo está mais perto de alcançar a erradicação global da pólio", enfatizou a OMS em seu website, explicando que cinco das seis regiões - representando mais de 90% da população mundial - estão agora livres da contaminação.

Onde a pólio persiste?

Segundo a OMS, apenas dois países em todo o mundo continuam a observar a transmissão do poliovírus selvagem: Paquistão e Afeganistão.

A Iniciativa Global de Erradicação da Pólio

A erradicação da pólio no mundo é um esforço da Global Polio Eradication Initiative (GPEI), uma parceria público-privada liderada por governos nacionais com seis parceiros principais: a Organização Mundial da Saúde (OMS), o Rotary International, o Centro para Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC), o UNICEF, a Bill e Melinda Gates Foundation e a Gavi, the Vaccine Alliance.

A poliomelite

A poliomielite, ou pólio, é uma doença causada por um vírus, transmitido geralmente de forma fecal-oral. Em geral, 90% das pessoas ficam assintomática, mas em cerca de 1% das vezes, o vírus atinge o sistema nervoso central, podendo levar o paciente a precisar de internação em UTI para receber ajuda através de ventilação mecânica. Também nos casos mais graves, muitas vezes o paciente fica com sequelas, podendo ter paralisia de membros - por isto, a doença no Brasil também é conhecida como paralisia infantil.

A grande maioria das vítimas de poliomelite são crianças de até 5 anos de idade, segundo a OMS.

Leia mais sobre a poliomelite no site da OMS (em inglês): Poliomyelitis (polio)

As regiões da OMS

As "regiões da OMS", onde a organização mantém escritórios regionais, além dos locais, são: África, Américas, Sudesde Asiático, Europa, Mediterrâneo Oriental e Pacífico Ocidental.

Conheça mais sobre cada região (em inglês): WHO regional offices

Fonte

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com