Mudança de hábitos alimentares favorece verminose em brasileiros

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

11 de abril de 2005

Brasil

Comer peixe cru é um hábito comum no Japão e nos últimos anos vem a ser adotado também por muitos brasileiros. Todavia, o hábito de comer peixe cru, como fazem os japoneses, trouxe alguns pequenos problemas de saúde para os brasileiros, relacionados a verminose.

Os órgãos da saúde do estado de São Paulo registraram durante o período de março de 2004 a março de 2005 a ocorrência de 27 casos de difilobotríase, ou "doença do peixe cru", no estado. Em Belo Horizonte foram também registrados pelo menos cinco casos da doença entre setembro do ano passado e março de 2005.

A difilobotríase é uma verminose causada pelo parasita Diphyllobothrium latum. Os sintomas da doença costumam ser: náuseas, vômitos, avidez por sal, diarréia, emagrecimento, dor abdominal e anemia. O parasita costuma aparecer em peixe cru, principalmente salmão. Peixes bem cozidos e fritos não contêm o parasita.

Os médicos orientam as pessoas a manter o peixe sob congelamento a –20°C, durante sete dias ou então durante sete minutos a - 35°C. Esses procedimentos, são eficazes, segundo os médicos, para eliminar o verme.

Fontes