Michael Moore nega ter ações da Halliburton

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

19 de dezembro de 2005

O cineasta norte-americano Michael Moore disse durante um programa televisivo que não tem ações da Halliburton, empresa duramente criticada no filme Fahrenheit 9/11, dirigido por ele.

"Eu não tenho uma única ação", exclamou Moore.

O autor Peter Schweizer apresentou em seu livro: "Do As I Say (Not As I Do): Profiles in Liberal Hypocrisy" documentos do Internal Revenue Service (equivalente à Receita Federal no Brasil) que mostram que Moore adquiriu mais de 2 mil ações da Halliburton e de outras empresas costumeiramente criticadas pelo cineasta.

Fontes