Mais 430 mercenários sírios enviados para Alto Carabaque, 53 corpos devolvidos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

6 de outubro de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Durante as hostilidades em grande escala na zona do conflito de Alto Carabaque, 93 mercenários da Síria, lutando ao lado do Azerbaijão, foram mortos, escreve a agência RIA Novosti, citando fontes da oposição síria que estão familiarizadas com a situação.

Observa-se que no dia 4 de outubro, os corpos de 53 mercenários foram entregues à Síria. Ao mesmo tempo, de 3 a 4 de outubro, o terceiro grupo de mercenários (430 pessoas) partiu para a zona de conflito.

Outra fonte da oposição síria afirmou que em 1º de outubro havia 322 mercenários sírios "bem equipados" em Alto Carabaque.

Anteriormente, o presidente francês Emmanuel Macron anunciou a transferência de 300 militantes sírios através da cidade turca de Gaziantep para Baku. Segundo ele, essas pessoas pertencem a um grupo que atua na região de Alepo.

Na manhã de 27 de setembro, o Azerbaijão atacou a República de Artsaque, conflitos ocorrem ao longo de toda a fronteira. A infraestrutura civil e os civis também foram sujeitos a bombardeios e ataques de azerbaijanos.

Fontes

ru Еще 430 сирийских наемников переброшены в Карабах, тела 53 возвращены — Panarmenian, 6 de outubro de 2020.

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit