Macron chama o envenenamento de Navalny de "tentativa de homicídio"

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

16 de setembro de 2020

O presidente francês Emmanuel Macron pediu à Rússia que esclareça a situação com o envenenamento do líder da oposição Alexei Navalny, chamando-o de "tentativa de homicídio".

Em uma conversa telefônica com o presidente russo, Vladimir Putin, Macron expressou "profunda preocupação com o ato criminoso cometido contra Alexei Navalny", de acordo com um comunicado divulgado pelo Palácio do Eliseu.

“Precisamos que a Rússia forneça esclarecimentos no contexto de uma investigação confiável e transparente”, disse Macron ao líder russo.

O presidente francês confirmou as descobertas de seu próprio país de que a droga Novichok foi usada contra Navalny. Moscou nega essas acusações.

Fontes

Ligação a um site em russo Макрон назвал отравление Навального «покушением на убийство»VOA, 16 de setembro de 2020

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com