Saltar para o conteúdo

Míssil russo viola espaço aéreo polonês; país pede explicações

Fonte: Wikinotícias

24 de março de 2024

Email Facebook X WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Um míssil russo entrou no espaço aéreo da Polônia, membro da OTAN, até uma distância de cerca de 2 quilômetros da fronteira, na manhã deste domingo, antes de retornar à Ucrânia, de acordo com um porta-voz do exército do país. "O espaço aéreo polonês foi violado por um dos mísseis de cruzeiro disparados durante a noite pelas forças aéreas (...) da Federação Russa e o objeto voou através do espaço aéreo polonês acima do aldeia de Oserdow (província de Lublin) onde ficou por 39 segundos, informou o Exército da Polônia em seu Twitter-X.

Os militares da Polônia afirmaram que estão monitorando a situação e “permanecem em alerta permanente para garantir a segurança do espaço aéreo polaco”.

O governo polonês exigiu explicações. “Acima de tudo, pedimos à Federação Russa que ponha fim aos seus ataques aéreos terroristas contra a população e o território da Ucrânia, que acabe com a guerra e se concentre nos problemas internos do próprio país”, disse o porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Pawel Wronski.


Fontes[editar | editar código-fonte]

  • Russian Missile Breaches Polish Airspace — VOA News, 24 de março de 2024  
  • Poland Demands Russian Explanation for Missile Breach — VOA News, 24 de março de 2024