Lula fala aos brasileiros e promete punição para corruptos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

8 de setembro de 2005

Brasil

O Presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva fez um pronunciamento a toda nação brasileira, em cadeia nacional de rádio e TV, na noite de quarta-feira (7), por volta das 20 horas, no horário local de Brasília.

Lula disse que não haverá "nenhum acordo subalterno" para não punir os culpados de corrupção. O presidente defendeu uma "apuração cabal" e "punição rigorosa". Também afirmou que todos os culpados serão punidos, "doa a quem doer, sejam amigos ou adversários".

Segundo o presidente "o fundamental é que a verdade prevaleça e que não haja impunidade. Que as CPIs apurem, que a Polícia Federal investigue, que o Ministério Público denuncie e que a justiça, soberana, julgue".

Lula disse que o governo e o povo foram capazes de vencer o "desafio da crise econômica" e que agora eles conseguirão "superar com coragem e serenidade" a atual crise política.


Fontes