José Sócrates demite-se após derrota no Parlamento

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

24 de março de 2011

O primeiro-ministro português, José Sócrates apresentou ontem (23) o pedido de demissão do cargo ao Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, anunciou a Presidência da República. O pedido teria sido motivado pela rejeição no Parlamento às mais recentes medidas de austeridade propostas por seu governo, que é minoritário na Casa.


Cquote1.png

Sempre alertei para as consequências negativas de um intervenção externa. Há toda uma diferença entre um País que resolve os seus problemas e um País que tem de pedir ajuda externa por não conseguir resolver os seus próprios problemas. Foi por isso que mantive até ao último minuto o esforço de dialogar com todos. Ao longo destes dias fiz inúmeros apelos à responsabilidade. Lamento ter sido o único a fazer esse apelo e lamento ainda mais que nenhuma política tenha respondido a esse apelo

Cquote2.svg
José Sócrates




“O presidente da República recebeu hoje, em audiência, o primeiro-ministro, o qual lhe apresentou o seu pedido de demissão”, informa o comunicado da presidência da República.

A nota adianta ainda que o governo mantém-se “na plenitude de funções até a aceitação daquele pedido”.

“Com vista à resolução da situação política decorrente do pedido de demissão do primeiro-ministro, o presidente da República, nos termos constitucionais, irá promover, no próximo dia 25, audiências com os partidos representados na Assembleia da República”, diz a nota da Presidência da República.

A nota foi divulgada no site da Presidência da República por volta das 21h em Portugal, 18h em Brasília, mas poucos minutos depois a página da internet ficou bloqueada.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati