Itália vence a inexperiente Gana por 2 a 0

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

12 de junho de 2006

Hoje a cidade de Hannover (às 21:00 horas no horário local) viu a Seleção Italiana bater por 2 a 1 os "Estrelas Negras" de Gana. Foi a primeira partida de ambos pelo Grupo E da Copa do Mundo de 2006 e garantiu a segunda posição da Itália no grupo, atrás somente da República Tcheca, que derrotou os Estados Unidos da América por 3 a 0. Foi a partida de estréia dos africanos em Copas, conhecidos por revelar muitos jogadores habilidosos e colecionar títulos mundiais nas categorias de base.

O jogo

O técnico italiano Marcelo Lippi tinha afirmado que a sua seleção havia abandonado a pecha de defensiva, e o começo da partida confirmou esta declaração. A Itália começou avassaladora, e aproveitando o nervosismo de Gana chegou várias vezes com a ajuda de seus meias (principalmente os volantes) e os laterais, passando e cruzando várias bolas para Gilardino e Luca Toni (revelação da Fiorentina). Gana era movida por Appiah, Asamoah e Essien (estrela da seleção e do Chelsea) e aos poucos foi abandonando o nervosismo e arriscando algumas jogadas, mas sempre parando na forte defesa italiana. Os contra-ataques italianos eram constituídos de poucos toques e velocidade e sempre buscando os dois atacantes que muitas vezes estavam desmarcados. Em um escanteio oriundo de um destes, Totti rola a bola para Nesta que desmarcado chuta forte de fora da área. Mesmo com muitos jogadores na frente ela não é desviada e morre no fundo do gol, abrindo 1 a 0. Gana perde muitas chances com sua inexperiência, mas leva perigo até o fim do tempo.

No segundo tempo, Lippi já faz alterações táticas e de jogadores que devolvem à Itália o velho (e muitas vezes, eficiente) estilo defensivo. Gana se acostuma ao jogo e bota para correr toda a defesa italiana, mas pecando nos fundamentos ou na "mira". O jogo segue equilibrado, com os dois lados tendo boas chances, já que a Itália se acomoda com o resultado e espera o apito final. No final da partida, após um "presente" (Kuffour recua muito mal a bola para seu goleiro), Iaquinta, que havia entrado, rouba a bola dribla o arqueiro e decreta a vitória por 2 a 0. Gana quase desconta depois.

Como era previsto, Itália derrota Gana e agora joga contra os Estados Unidos na próxima rodada. Se ganhar (e os tchecos também), os dois europeus jogam a última rodada classificados. Agora cabe a ganeses e americanos inverter esta situação.

Ver também


Desporto
Este artigo descreve um evento desportivo acompanhado ao vivo pelo colaborador. Eventos desportivos acompanhados pelos colaboradores não precisam de fontes especificadas.