Irão quer aumentar seus vínculos com Cuba, Venezuela e Bolívia

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

7 de janeiro de 2006

A agência italiana ANSA informou que o Presidente do Irão Mahmoud Ahmadinejad deseja estreitar seus laços com os "governos populares" latino-americanos contrários aos EUA, como o de Fidel Castro em Cuba, Hugo Chávez na Venezuela e, mais recentemente, Evo Morales na Bolívia.

Segundo o Teheran Times e o diário cubano Granma, o mandatário do Irão teve conversas telefônicas com Castro e Chávez na quarta-feira (4). Este último convidou a Ahmadinejad para visitar a Venezuela no primeiro semestre deste ano.

Por sua vez, o presidente iraniano agradeceu o respaldo cubano ao programa nuclear que Teerão alega ser "com fins pacíficos". Ele ofereceu-se para cooperar com Havana para os preparativos da Cúpula do Movimento Não-Alinhado que Cuba planeja realizar este ano.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati