Idoso agride deputado José Dirceu com bengala

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Ir para: navegação, pesquisa

29 de novembro de 2005

Brasil

Um senhor idoso, de 67 anos, com barba e cabelos brancos, agrediu com uma bengala o deputado e ex-ministro José Dirceu (PT-SP) no Salão Verde da Câmara dos Deputados.

O homem, bateu cerca de duas vezes na cabeça de José Dirceu. A segurança da Câmara deteve o idoso que foi levado para prestar depoimento.

Durante discurso no plenário do Senado Federal, o senador Leonel Pavan (PSDB-SC) disse que a acção contra Dirceu não foi premeditada, mas um gesto de indignação e protesto contra tudo o que está acontecendo no país.

Pavan pediu para que o Presidente da Câmara dos Deputados fosse compreensivo com o homem: "Eu queria fazer um apelo ao Presidente Lula, ao Presidente Aldo Rebelo que não faça isso com esse senhor. Esse senhor que certamente não entrou com esse instrumento para agredir alguém. Mas indignado com a atual situação, até por estar frustrado, ele usou aquele instrumento ortopédico, que ele tem para se locomover, como uma forma, o único meio de dar sua manifestação, contra tudo o que está acontecendo".

E acrescentou: "Este senhor de 70 anos certamente está mostrando a indignação de milhares e milhares de pessoas do Brasil inteiro."

José Dirceu foi acusado pelo ex-Presidente do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) Roberto Jefferson de ser o autor intelectual do mensalão. Dirceu alega que não há provas contra ele e que o mensalão nunca existiu.

Na quarta-feira (30) o Supremo Tribunal Federal e a Câmara dos Deputados podem decidir o futuro do deputado José Dirceu ao se pronunciarem a respeito do processo movido pelo Conselho de Ética que pede a cassação do mandato do deputado.

Áudio

Ver também

Fontes