Hungria abrirá fronteiras para russos a partir de 15 de julho

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

13 de julho de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

A Hungria é o primeiro país da União Europeia a abrir as fronteiras para entrada de russos. A permissão será válida a partir de 15 de julho, informou a agência de notícias TASS nesta segunda-feira (13).

“Como parte das medidas epidemiológicas introduzidas em conexão com a COVID-19, as regras para entrar na Hungria mudarão a partir de 15 de julho de 2020. De acordo com a decisão das autoridades epidemiológicas húngaras, a Rússia se tornou um dos países da zona amarela (os países com maior risco de COVID-19 estão divididos em zonas "amarela" e "vermelha")”, afirmou.

Para os visitantes, um exame médico será obrigatório. Além disso, os cidadãos que chegam do território russo terão que ficar em quarentena por 14 dias. Desde 1 de julho, a União Europeia abriu as fronteiras para 15 países.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com