Homem é suspeito de matar a família na Croácia

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

10 de novembro de 2007

Bandeira croata, representando a sua nação.

A cidade de Pula na Croácia, foi testemunha de uma massacre familiar na qual morreram cinco pessoas. O suspeito de ter cometido os crimes é Damir Voschion, um homem de 46 anos de idade, que teria assassinado seus familiares com tiros na cabeça por volta das 19:00 (CET, UTC +1).

Entre os mortos estão: o sobrinho de Damir de apenas dois meses, a sobrinha de sete aos, o irmão, a cunhada e o pai. O massacre teve lugar na casa da famíla.

Damir se entregou para a polícia, e disse que "matou todos". Os corpos foram transladados para o necrotério do Hospital de Pula.

Ainda é incerto o motivo dos assassinatos. Existe a teoria de que Damir tinha uma disputa com o irmão pela propriedade. Os vizinhos informaram que Damir era um homem violento e que já tinha no passado com as próprias mãos matado o cachorro que pertencia ao irmão.

Fontes