Homem é preso nos EUA porque transmitia o canal de televisão do Hizbollah

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

24 de agosto de 2006

Javed Iqbal, proprietário da HDTV Ltd., companhia de televisão que fica no Brooklin, foi detido ontem por autoridades do governo dos Estados Unidos da América por divulgar conteúdo do canal al-Manar. Segundo o Departamento do Tesouro dos Estados Unidos Iqbal foi acusado de conspiração por violar o International Emergency Economic Powers Act.

O canal de televisão al-Manar foi lançado pelo Hizbollah em 1991. O Departamento do Tesouro dos Estados Unidos declarou o canal al-Manar uma entidade especialmente designada para o terrorismo internacional, segundo a Executive Order 13224 que criminaliza as relações comerciais com a al-Manar e proíbe o seu uso em programas de notícias americanos.

A França e a Espanha também já proibiram as trasmissões da al-Manar.

As transmissões da al-Manar na América do Norte através do Intelsat está bloqueada desde o dia 17 de dezembro de 2004, quando o Departamento de Estado dos EUA colocou a al-Manar na Lista de Organizações Terroristas.

Fontes