Hizbollah dispara mais de 100 foguetes contra Israel e usa uma nova arma

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

28 de julho de 2006

Segundo o The Jerusalem Post mais de 100 foguetes foram disparados pelo Hizbollah contra cidades israelenses nesta sexta-feira (28). Os foguetes teriam causado danos a um hospital, uma escola e à rede elétrica de Nahariya. As cidades de Safed, Ma'alot, Kiryat Shmona e Karmiel teriam também sido atingidas.

Doze pessoas ficaram feridas, mas nenhuma em estado muito grave. Outras 15 teriam ficado em estado de choque.

Além do ataque maciço dos foguetes do Hizbollah, o que chamou a atenção foi o aparecimento de uma nova arma: o míssil de fabricação iraniana Fajr-5, batizado de Khaibar-1, segundo o canal Al-Manar do Hizbollah. Ao contrário dos Katyusha costumeiramente lançados pelo Hizbollah e cujo alcance é de 22 km, o Fajr-5 pode alcançar alvos até 75 km de distância.

Cinco mísseis Fajr-5 caíram nas redondezas de Afula, por volta das 15:30. Segundo a polícia, um dos mísseis tinha mais de 100 kg de explosivos. Ninguém ficou ferido e os únicos danos foram materiais. A Força Aérea Israelense destruiu a base de lançamento dos mísseis.


Fontes