Guiné-Bissau aperta medidas de confinamento

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência VOA

26 de março de 2020

A capital guineense Bissau, tem a partir desta quinta-feira (26), novas medidas de confinamento social que se estendem a partir de amanhã às demais regiões do país.

Uma nota assinada por Botché Candé, ministro do Interior do Governo liderado por Nuno Nabian, determinou que entre as sete e as 10 horas da manhã será permitida a circulação apenas para compras e vendas de produtos essenciais, enquanto estará proibida a circulação do transporte público.

Os carros particulares podem circular desde que não tenham mais do que três pessoas.

Sem restrições continuam jornalistas, elementos das forças de defesa e segurança, profissionais da saúde, operadores das bombas de combustíveis, e trabalhadores das farmácias, bancos, comércio e finanças.

Os funcionários judiciais, com autorização do Ministério do Interior, também pode desempenhar as suas funções.

A Guiné-Bissau registou dois casos do novo coronavírus, ambos importados, e o autoproclamado Presidente Úmaro Sissoco Embaló fechou as fronteiras e as escolas.

Jovem investe na prevenção

No entanto, um jovem de Bissau faz a diferença sensibilizando a população sobre perigo do coronavírus.

Trata-se de Mustafa Indjai, que por conta própria, anda pelas ruas, com um sistema de som, a divulgar mensagem sobre as formas de evitar a transmissão do vírus.

Ele diz que faz isso em Quelele e não só, por ter sentido que “o Estado não tem condições de passar mensagem nas ruas de diferentes bairros de Bissau”.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com