Grupo ligado à Al Qaeda diz ser autor de ataque a prisão no Iraque

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

4 de abril de 2005

Um grupo da Al Qaeda diz ser responsável pelo ataque de sábado contra a prisão de Abu Ghraib no Iraque. Os militares dos Estados Unidos da América divulgaram relatórios que dizem que 44 soldados americanos e 12 prisioneiros iraquianos foram feridos, alguns com muita gravidade.

O ataque ocorreu no fim do dia e início da noite. Outros ataques violentos também têm ocorrido nos últimos dias em outros pontos do país.

Uma declaração colocada num sítio da internet por extremistas islâmicos no domingo, diz:"Seus irmãos da organização Al Qaeda, pela Guerra Santa, lançaram no Iraque um ataque bem planejado contra a prisão de Abu Ghraib, onde estão detidos muçulmanos, homens e mulheres."

Jornalistas da GNN dizem que o comandante do exército americano primeiro-tenente Adam Rondeau disse "Este foi obviamente um ataque muito bem organizado e bastante grande."


Fontes