Governador de Nova York condena ataques violentos contra judeus

Fonte: Wikinotícias

22 de maio de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Governador de Nova York

Uma série de ataques violentos contra judeus na cidade de Nova York levou o governador, Andrew Cuomo, a emitir uma declaração condenando os ataques.

“Eu condeno inequivocamente esses ataques brutais contra os nova-iorquinos judeus e não toleraremos o assédio e a intimidação violentos e anti-semitas de gangues”, escreveu o governador Andrew Cuomo no Twitter.

“Pessoas de todas as religiões, origens e etnias devem poder andar nas ruas com segurança e livres de assédio e violência”, acrescentou.

Duelo de protestos

Vários vídeos de judeus atacados apareceram nas redes sociais depois que grupos pró-Israel e pró-palestinos realizaram duelos de protesto na cidade.

Pelo menos um judeu foi levado ao hospital após o que a polícia chamou de "ataque de gangue". Seus ferimentos não são considerados graves.

Vinte e seis foram presos na violência, segundo a ABC News. A violência aconteceu quando militantes de Israel e do Hamas anunciaram um cessar-fogo em seu conflito de 11 dias.

"Justiça é necessária e estou instruindo a Força-Tarefa contra Crimes de Ódio da Polícia do Estado de Nova York para oferecer sua ajuda na investigação desses ataques", escreveu Cuomo.

Fontes