Final brasileira na Libertadores de 2006

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

6 de agosto de 2006

Pela segunda vez a final da Copa Libertadores da América será disputada por dois clubes brasileiros. Mesmo depois do fiasco na Copa do Mundo, o futebol brasileiro mostra que ainda detém a hegemonia no continente. O primeiro time a garantir sua vaga na final foi o São Paulo.

Em jogo realizado no Morumbi, o tricolor paulista venceu o Chivas pelo placar de 3 a 0. A vitória não foi tão fácil quanto parece, e a tranqüilidade só veio ao longo do jogo e pelas mãos do goleiro Rogério Ceni que no início do jogo defendeu uma cobrança de pênalti do time mexicano. Logo depois, aos 33min, Ricardo Oliveira arrancou com a bola da esquerda para o meio, tabelou com Leandro e foi travado dentro da área. A bola passou pelo goleiro Sánchez e sobrou para o próprio Leandro, que tocou de primeira para abrir o placar. Além disso, o camisa 9 interrompeu um jejum dos atacantes do time tricolor, que haviam passado quatro partidas inteiras sem balançar as redes adversárias. E se a vantagem parecia excelente para o São Paulo, ficou ainda melhor aos 40min. Ricardo Oliveira recebeu bola de costas para o gol, ajeitou com a cabeça e tocou de pé direito para trás. Com muita liberdade, o volante Mineiro apareceu na meia-lua e chutou de primeira, de pé direito, no ângulo direito de Sánchez. As cobranças de Rogério Ceni tiveram efeito logo aos 3min do segundo tempo, quando Souza recebeu livre na direita e cruzou na cabeça de Ricardo Oliveira. O camisa 12 desviou no canto direito de Sánchez e praticamente definiu a partida.

O time que enfrentará o São Paulo na final será o Internacional, que em jogo realizado na quinta-feira no Beira-Rio, despachou o Libertad pelo placar de 2 a 0 chegando pela segunda vez a uma final de Copa Libertadores. O jogo foi um teste, pois ao término da primeira etapa, o Libertad vinha tentando impor domínio. O primeiro gol do Inter saiu aos 18 minutos em jogada individual de Alex que acertou um belo chute de fora da área. A tranqüilidade só veio aos 23 quando Fernandão completou o placar.

O primeiro jogo da final

O primeira partida da grande final será realizada em São Paulo, no dia 09 às 21h e 45min. O São Paulo poderá ter uma baixa, já que o contrato de Ricardo Oliveira termina dia 10 e o clube espanhol Betis - detentor dos direitos - disse que ele não jogará o segundo jogo. A diretoria tricolor tentará solucionar o impasse ate quarta-feira.

Fontes