Escolas das Ilhas Marianas do Norte são fechadas após detecção de três casos de covid-19

1 de novembro de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

O governador da Comunidade dos Estados Unidos das Ilhas Marianas do Norte, Ralph Torres, anunciou no dia 29 passado que todas as escolas e faculdades nas ilhas fechem por dez dias com o objetivo de "mitigar a disseminação comunitária" depois de três casos de covid-9 serem registrados na semana passada.

Pelo menos dois estavam vinculados a escolas de ensino médio na capital Saipan.

Em um comunicado, Torres prometeu que "temos as ferramentas disponíveis para conter isso", acrescentando que "quero garantir pessoalmente à comunidade educacional, funcionários, pais, famílias e alunos que faremos tudo como um governo para proteger a comunidade, como fizemos com sucesso durante o curso da pandemia”.

O Sistema de Escolas Públicas das Ilhas Marianas do Norte declarou que os dois casos estão relacionados com as escolas de ensino médio Chacha Oceanview e Francisco M. Sablan em Saipan. Nenhuma informação foi divulgada sobre a origem do terceiro caso.

As Ilhas Marianas do Norte estavam livres da transmissão comunitária do Sars-Cov-2 há mais de 200 dias.

Incluindo os três novos casos, um total de 294 infecções pelo novo coronavírus foram registradas nas Marianas do Norte desde março de 2020.

Fontes