Empresário é morto no prédio no Rio de Janeiro; esposa suspeita está foragida com o filho

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

14 de junho de 2009

Rio de janeiro, RJ, Brasil

O empresário Renato Biasotto Mano Júnior, de 52 anos, foi morto na manhã do sábado (13) em um condomínio de luxo na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de janeiro.

Segundo informações iniciais do 31º Batalhão de Polícia Militar (Recreio dos Bandeirantes), ele teria sido ferido a facadas no rosto e no peito ainda no apartamento. Ao sair para buscar socorro, teria morrido no hall do prédio Ocean Star, nº 5600, que fica na Avenida Lúcio Costa, em frente à praia.

De acordo com a polícia, a mulher dele, Alessandra Ramalho D'Ávilla, de 35 anos, é a principal suspeita. Ela foi vista fugindo com o filho de cinco anos, que planeja fugir aos Estados Unidos, por ter dupla cidadania.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati