Em julho, IBGE estima alta de 3,8% na safra de 2020

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

11 de agosto de 2020

Em julho, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a produção de cereais, leguminosas e oleaginosas do Brasil para 2020 foi estimada em 250,5 milhões de toneladas e se manteve em patamar recorde, 3,8% acima da safra de 2019 (mais 9 milhões de toneladas) e 1,3% superior à estimativa de junho (mais 3,1 milhões de toneladas).

A estimativa de julho é 1,3% superior ao levantamento feito no mês anterior. A área a ser colhida neste ano, de acordo com a estimativa, é de 64,9 milhões de hectares, ou 2,6% acima da área de 2019.

O arroz, o milho e a soja são os três principais produtos deste grupo e, somados, representaram 92,2% da estimativa da produção e responderam por 87,1% da área a ser colhida. Em relação a 2019, houve acréscimos de 2,2% na área do milho (aumentos de 4,0% no milho de primeira safra e de 1,5% no milho de segunda safra), de 3,1% na área da soja e de 0,1% na do algodão herbáceo, ocorrendo declínio de 1,5% na área de arroz.

Fonte

Domínio Público Esta notícia é uma transcrição parcial ou total do Governo do Brasil.
Este texto pode ser utilizado desde que seja atribuído corretamente aos autores e ao sítio oficial.
Veja os termos de uso (copyright) no rodapé da página do Governo Federal
Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com