EUA investem bilhões em pílulas para COVID-19 e outros vírus

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Anthony Fauci (2020)

18 de junho de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Agência VOA

Os Estados Unidos estão investindo US $ 3,2 bilhões no desenvolvimento de pílulas antivirais para COVID-19 e outros vírus que podem ajudar a prevenir novas pandemias.

O principal especialista em doenças infecciosas dos EUA, Dr. Anthony Fauci, fez o anúncio na quinta-feira em uma reunião na Casa Branca como parte de uma nova iniciativa chamada Programa antiviral para pandemias.

O programa apoiará a pesquisa no desenvolvimento de novos medicamentos para tratar os sintomas causados pelo coronavírus e outros vírus potencialmente perigosos.

Os comprimidos para COVID-19 já estão em estágio de desenvolvimento e podem começar a estar disponíveis no final de 2021 se os testes clínicos forem bem-sucedidos.

O financiamento agilizará os testes e aumentará o apoio à pesquisa, desenvolvimento e manufatura do setor privado.

Os EUA já aprovaram anteriormente o remdesivir, medicamento antiviral, como tratamento para COVID-19. Autorizou também, para uso emergencial, três combinações de anticorpos que ajudam a combater o vírus. Mas os medicamentos devem ser administrados em hospitais ou outras instalações médicas, um problema logístico que resultou em uma demanda fraca.

As empresas farmacêuticas AstraZeneca, Pfizer e Roche começaram a testar medicamentos antivirais na forma de comprimidos.

Fonte