EUA: votos em cinco estados podem decidir as eleições

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

4 de novembro de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Tal como previam os analistas políticos, as eleições presidenciais americanas vão ser decididas quando terminarem as contagens nos estados da Georgia, Carolina do Norte, Pensilvânia, Wisconsin e Michigan.

Mas ironicamente, dois outros estados, Nevada com seis delegados e Arkansas com três delegados no Colégio Eleitoral poderão eventualmente jogar um papel decisivo.

São precisos 270 votos no Colégio Eleitoral e às 5:30 horas da manhã, o candidato democrata Joe Biden tinha 238 votos garantidos e Donald Trump 213.

Na Geórgia, estão em jogo 16 delegados, Carolina do Norte 15, Pensilvânia 20, Michigan 16 e Wisconsin 10, o que teoricamente coloca Joe Biden em vantagem pois precisa apenas de ganhar mais 32 votos para se sagrar presidente.

A contagem naqueles estados davam alguma vantagem a Biden em Wisconsin com 10 delegados e Nevada, com seis, colocando-o, em caso de vitória nesses Estados, com 254 delegados.

As contagens a essa hora, davam contudo vantagem minima de Donald Trump nos restantes Estados ainda em luta, onde ele precisa de garantir 57 delegados, ou seja precisa vencer todos os quatro estados que desde o inicio eram considerados chaves para a vitória: Geórgia, Carolina do Norte, Pensilvânia e Michigan.

Ns legislativas, as projecções indicam que os republicanos deverão continuar a controlar o Senado, enquanto os democratas devem manter a maioria na Câmara dos Representantes.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit