Criadas no Brasil novas universidades federais

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

17 de agosto de 2011

Brasil


A presidenta Dilma Roussef anounciou a criação de mais quatro Universidades Federais através do Plano de Expansão da Rede Federal de Educação Superior, Profissional e Tecnológica, que foi lançado na manhã de ontem (terça-feira, dia 16 de agosto) em Brasília. Foi anunciada a criação de quatro universidades federais - no Pará (Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará), na Bahia (Universidade Federal do Sul da Bahia e Universidade Federal do Oeste da Bahia) e no Ceará (Universidade Federal da Região do Cariri, além da abertura de 47 campi universitários e 208 unidades dos institutos federais de educação, ciência e tecnologia, espalhados em todo o país.

A Universidade Federal da Bahia (UFBA) também terá um campus de extensão em Camaçari e a Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB), um campus de extensão em Feira de Santana. Foi confirmada ainda a criação da Universidade Federal da Integração Luso-Afro-Brasileira (Unilab) na Bahia.

Na cerimônia, prefeitos de 120 municípios assinaram um compromisso com o governo federal de oferecer terrenos para a instalação de institutos federais nas cidades que administram. A essas unidades de educação profissional se somam 88 que estão em construção, com término previsto para o fim de 2012. O diretor nacional de educação da ABRH (Associação Brasileira de Recursos Humanos), Luiz Edmundo Rosa afirma que "a medida é louvável e muito importante para a educação no Brasil".

Fontes[editar]