Comportamento estranho e criatividade andam juntos, segundo pesquisa

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

7 de setembro de 2005

Em Nashville, Tennessee, um estudo de pesquisadores da Universidade Vanderbilt recentemente publicado na revista Schizophrenia Research concluiu que as pessoas com esquizotipia (um tipo de esquisitice benigna) são as mais propensas a produzir processos criativos do que as pessoas normais e as esquizofrênicas.

Com base em dois experimentos realizados com três grupos representando pessoas normais, esquizofrênicas e esquizotípicas, determinou-se que todas elas usam os dois lados do cérebro no momento de resolver problemas que exigem criatividade, contudo as pessoas com esquizotipia usam mais o hemisfério direito do que as pessoas normais e as esquizofrênicas.

Outros estudos tinham antes levantado hipóteses a partir de experimentos que ao utilizar melhor o hemisfério direito, os esquizotípicos estariam melhor preparados para as atividades criativas. Esta hipótese também parece ser confirmada pelo estudo recém publicado.

A idéia de que o comportamento estranho e a criatividade andam juntas não é nova, mas até agora não se tinham dados experimentais que a apoiasse.


Fonte

{{{{{idioma}}}}} Melanie Moran Odd behavior and creativity may go hand-in-hand Universidad Vanderbilt 6 de setembro de 2005