Colégio Militar de Porto Alegre antecipa férias por causa de suspeita de influenza

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

14 de julho de 2009

Notícias relacionadas
Pessoas na Cidade do México vestindo máscaras em um trêm pelo vírus H1N1
Mais informações sobre a Gripe:


Um grupo de 140 alunos e funcionários do Colégio Militar de Porto Alegre, que retornou de um encontro no Mato Grosso do Sul no último final de semana, foi submetido à quarentena domiciliar por causa da grande quantidade de pessoas com sintomas de gripe comum. Quatro integrantes do grupo foram submetidos a exame para diagnostico do tipo de vírus por terem apresentado um sintoma de gripe forte. As férias dos estudantes, que teriam início na próxima sexta-feira, foram antecipadas por precaução

De acordo com o coronel Leonardo Araújo, assessor de comunicação do Colégio Militar da capital gaucha, o grupo enfrentou baixas temperaturas na viagem de volta na última sexta-feira (10). “O médico da delegação verificou que ninguém tinha sintomas da gripe A, mas por causa da quantidade de pessoas gripadas ele pediu que o Comando do Exército enviasse o grupo ao hospital de referência em Porto Alegre para descartar qualquer possibilidade de contágio pelo vírus Influenza A H1N1”, disse Araújo.

Ainda segundo o coronel, apenas uma aluna que já estava com sintomas de pneumonia antes da viagem foi encaminhada ao Hospital Militar.

Os quatro alunos submetidos a exame para detectar o tipo de vírus da gripe não foram hospitalizados e permanecem em casa. Os exames foram encaminhados para análise em um laboratório de referência em São Paulo.


Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati