Chuvas deixam mais de uma dúzia de mortos e milhares de desabrigados na Venezuela

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

26 de agosto de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

As chuvas dos últimos dias no estado de Mérida, nos Andes venezuelanos, deixaram pelo menos 18 mortos e centenas de famílias afetadas.

“Oficialmente, temos uma cifra de 15 mortos, principalmente no que aconteceu no Vale dos Mocotíes, na cidade de Tovar, e três que também morreram na área de Pueblo Nuevo del Sur, um povoado que também foi visto afetado ”, relatou o governador do estado, Ramón Guevara, na manhã desta quarta-feira, em entrevista à rádio nacional Circuito Éxitos.

Guevara explicou que também haveria 4 pessoas desaparecidas, segundo dados da Proteção Civil do estado.

O responsável explicou que tem estado na zona afectada para preparar um relatório “independentemente de nos darem atenção ou não, às entidades nacionais, porque realmente os danos materiais, os danos de infra-estruturas, o colapso do sistema eléctrico, de o telefone existem.

Na noite de terça-feira, por sua vez, Jehyson Guzmán, protetor do estado de Mérida, órgão administrativo paralelo criado pelo Governo, explicou que 11 municípios do estado foram afetados pelas chuvas e que pelo menos 120 casas “desapareceram”.


Fonte

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit