China limitará severamente o acesso a videogames para menores

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Crystal Clear app package games.svg

31 de agosto de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Agência VOA

A China está tomando medidas dramáticas para evitar que os adolescentes se tornem viciados em videogames. Nas novas regras publicadas na segunda-feira pela Administração Nacional de Publicações e Imprensa da China (NPPA), que supervisiona o mercado de jogos do país, os adolescentes com menos de 18 anos serão limitados a jogar três horas por semana.

Não é apenas quanto tempo pode ser gasto jogando que será limitado. De acordo com a mídia estatal, os jogadores só podem jogar a partir das 20h. Até 21h às sextas, sábados e domingos. O jogo também será permitido, mas apenas por uma hora, durante feriados.

A China já restringiu a quantidade de tempo que os menores podem jogar videogame, permitindo 1,5 horas por dia e três horas nos feriados.

As empresas de videogame que operam na China serão obrigadas a aplicar as novas regras usando contas de nome / identidade reais. Uma vez que os jogadores tenham usado seu tempo alocado, eles serão automaticamente desconectados.

Estima-se que 62,5% dos menores chineses joguem videogame.

No passado, o governo chinês chamou os videogames de "ópio espiritual".

"Os adolescentes são o futuro de nossa pátria", disse um funcionário não identificado do NPAA, de acordo com a Xinhua. “A proteção da saúde física e mental de menores está relacionada aos interesses vitais do povo e ao cultivo da geração mais jovem na era do rejuvenescimento nacional”.

Fonte


Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit