Chimpanzés vistos criando e usando lanças para caçar

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

24 de fevereiro de 2007

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Chimpanzés, os primatas mais próximos do homem, foram vistos criando e utilizando lanças de madeira para caçar suas presas, e não para fins bélicos.

A descoberta foi feita por Jill Pruetz, da Universidade Estadual do Iowa, nos Estados Unidos, e Paco Bertolani, da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, e publicada na revista científica "Current Biology". Os cientistas observaram chimpanzés nas savanas do Senegal, em Fongoli, entre março de 2005 e julho de 2006, e documentaram dez animais a fabricar 26 lanças de madeira.

Para construir as lanças os chimpanzés seguem até cinco passos : partem um ramo de uma árvore. Removem-lhe os ramos mais pequenos e as folhas. Ou afiam a ponta do ramo com os dentes. As lanças tinham em média 63 centímetros de comprimento.

As lanças foram usadas em 22 tentativas de caça a um outro primata, o gálago-do-senegal, atirando-as às presas com movimentos muito rápidos. Depois de recuperarem as lanças, cheiravam-nas ou lambiam-nas. Em uma das tentativas os chimpanzés conseguiram que as lanças imobilizassem o animal. O uso sistemático das lanças indica que é um compoprtamento habitual.

Resta saber se outras populações de chimpanzés do Senegal, a casa de 500 animais, ou noutras partes de África, também constroem lanças de caça.

Quais chimpanzés usam a lança?

“É típico nos primatas, quando existem inovações, em particular na utilização de ferramentas, que sejam as novas gerações a apreendê-las rapidamente. Os últimos a apreendê-las são os adultos, principalmente os machos”, comentou Jill Pruetz à BBC on-line.

Dentre os chimpanzés os que mais usam a lança são as fêmeas. Alguns machos jovens também participam nas caçadas. No entanto, os mais velhos parecem considerar que uma presa pequena não vale tanto esforço, especula a investigadora.

Em outros lugares da África, os colobos são as presas mais perseguidas pelos chimpanzés, sobretudo machos. Mas pela ausência na savana do Senegal as femêas podem ter procurado outras fontes para complementar a refeição.

Outros usos de ferramentas

Não é novidade que os chimpanzés usam ferramentas para auxiliá-los em sua vida.

O primeiro caso foi na década de 60, quando a primatóloga americana Jane Goodall descobriu, na Tanzânia, que usavam nervuras das folhas para apanhar térmitas.

Outros casos são o uso de pedras para partir nozes e tirar lá de dentro o miolo calórico. Ou a beberem água por uma folha ou a raparem um galho para fazer um apanhador de formigas.

O uso de ferramentas para caçar só fui visto uma vez anteriormente. Uma chimpanzé fêmea adolescente ramo para obrigar um esquilo a sair de um buraco, na estação de Mahale, na Tanzânia.

Comparação com os humanos

A primeira descoberta do uso de ferramentas para caça por chimpanzés deverá ajudar a entender um pouco melhor como os nossos antepassados desenvolveram estratégias de caça.

Para os humanos, as lanças de madeira mais antigas têm 400 mil anos. “Os múltiplos passos seguidos pelos chimpanzés de Fongoli no fabrico de ferramentas para caçar mamíferos envolvem um tipo de antevisão e complexidade intelectual que muito provavelmente caracterizava os primeiros antepassados humanos”, escrevem os cientistas.

Chimpanzés e humanos também ficaram um pouco mais próximos. Os chimpanzés usam ferramentas nos vários modos de vida. E transmitem esses conhecimentos às gerações, por isso, tal como nós, são detentores de uma cultura material. Cada vez mais semelhanças com os humanos.

Fontes