COVID-19: pelo menos 3 milhões de vidas salvas na Europa graças à quarentena

Fonte: Wikinotícias

9 de junho de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

De acordo com um estudo britânico do Colégio Imperial de Londres, publicado na prestigiada revista Nature, a quarentena em 11 países da Europa impediu a morte de 3,1 milhões de pessoas e reduziu a taxa de proporção da COVID-19 em 82%, em média.

Mas nem todos os países foram afetados pelo vírus da mesma maneira. O estudo mostra que 8% da população belga contraiu o vírus, mas esse número cai para 5,5% na Espanha, 5,1% no Reino Unido, 4,6% na Itália, 3,4% na França e apenas 0,85% na Alemanha.

O estudo se concentrou nos seguintes países: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Espanha, França, Itália, Noruega, Reino Unido, Suécia e Suíça.

Fontes