COVID-19: Argentina estende por 14 dias a quarentena mais prolongada do mundo

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

24 de outubro de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

O presidente argentino, Alberto Fernández, anunciou ontem uma nova extensão não modificada das medidas de quarentena para conter a epidemia de coronavírus. A medida foi estendida até o dia 8 de novembro. A Argentina acumula um regime de 233 dias e, mesmo sob estritas restrições, ainda figura entre os melhores no ranking mundial de doenças infecciosas.


Cquote1.svg

Vamos continuar por mais 14 dias como estamos hoje

Cquote2.svg
anunciou Fernández



O chefe de Estado comunicou sua decisão aos argentinos quando visitou a província de Misiones, na fronteira do Brasil com o Paraguai.

O novo coronavírus está agora se desenvolvendo no país, especialmente através de oito províncias que se concentram em cerca de 15.000 doenças infecciosas todos os dias: 55%: Córdoba, Santa Fé, Tuckerman, Mendoza, Neuquen, Rio Negro, Chubut e San Luis.

Ao contrário do interior, na área metropolitana de Buenos Aires (incluindo a capital argentina e 13 cidades ao redor da cidade), embora ainda considerável, sua curva de spread vem diminuindo nas últimas duas semanas.

Fonte

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com