Ban Ki Moon lança apelo nas eleições presidênciais na Guiné-Bissau

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência VOA

23 de julho de 2009

O secretário-geral da ONU, Ban Ki Moon, considerou o pleito eleitoral na Guiné-Bissau, como uma importante medida no quadro dos esforços da restauração da democracia e da reconciliação nacional em curso naquele país.

Ban Ki Moon exortou os eleitores guineenses a participarem, de forma activa e pacífica, na votação e apelou aos candidatos para resolverem, de forma pacífica, as eventuais disputas resultantes da votação deste domingo.

O secretário-geral da ONU espera, por outro lado, que as eleições presidenciais venham a constituir um passo seguro no sentido da estabilidade e da segurança e no relançamento da situação económica e social, tendentes à consolidação da paz.

No comunicado, tornado público, na quinta-feira, na sede da ONU, em Nova Iorque, Estados Unidos, Ban Ki Moon sublinha, por outro lado, o empenhamento das Nações Unidas no reconhecimento da legitimidade do presidente que vier a ser eleito pela maioria dos votos dos guineenses.

Entretanto, as autoridades reforçaram o sistema de segurança tendo em vista a segunda volta das eleições de domingo próximo, colocando em estado de alerta cinco mil homens, situação que se irá manter até à investidura do chefe de Estado eleito.

Fonte

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati