Artigo sobre Paulo Costa é alterado na Wikipédia

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

14 de setembro de 2014

Brasil

O artigo enciclopédico sobre Paulo Roberto Costa, ex-diretor de Abastecimento da Petrobras e um dos denunciados na operação “Lava-Jato” da Polícia Federal, foi alterado na tarde deste sábado, através da rede da própria estatal. O rastreamento foi feito pelo serviço de monitoramento @BRWikiedits, que também monitora as alterações na WP feitas por redes do Congresso e da Procuradoria Geral da República, da Dataprev, da Petrobras, do Banco Central, do Banco do Brasil, da Caixa e de mais 40 entidades.

Este foi o texto inserido: "Tem sido divulgado à opinião pública que Paulo Roberto Costa, agora no epicentro de um escândalo de corrupção, teria começado sua carreira na Petrobras em 2004 – portanto, no governo Lula –, quando foi nomeado diretor de Abastecimento. Isso não é verdade. Ele entrou na Petrobras muito antes, em 1979, quando participou da instalação das primeiras plataformas de petróleo na Bacia de Campos (RJ). Suas primeiras indicações políticas dentro da estatal ocorreram quando o PSDB ganhou a presidência da República".

E ainda: "Em 1995, logo no primeiro ano da presidência de FHC, ele foi indicado como gerente geral do poderoso Departamento de Exploração e Produção do Sul, responsável pelas Bacias de Santos e Pelotas. Nos anos seguintes, sempre sob gestão dos tucanos, Paulo Roberto Costa foi beneficiado por várias indicações políticas internas da Petrobras. Em 1996, foi gerente geral de Logística. De 1997 a 1999, respondeu pela Gerência de Gás. De maio de 1997 a dezembro de 2000, foi diretor da Petrobras Gás – Gaspetro. De 2001 a 2003, foi gerente geral de Logística de Gás Natural da Petrobras. E, de abril de 2003 a maio de 2004 (agora, sim, no início do governo Lula), foi diretor-superintendente do Gasoduto Brasil-Bolívia".

As modificações foram feitas às 16h16min e retiradas seis minutos depois. As fontes foram o jornal "O Globo" e o blogueiro Miguel do Rosário.

Fontes

Na Wikipédia há um artigo sobre Paulo Roberto Costa.

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati