Arqueólogos investigam história de esqueleto de mulher aristocrata de 1.600 anos encontrado em Londres

Fonte: Wikinotícias

16 de dezembro de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Um esqueleto foi encontrado dentro de um enorme túmulo luxuoso em Londres, na Inglaterra, há 21 anos. Durante todo esse tempo, pesquisas foram feitas nos ossos e na sepultura, a fim de compreender quem era aquela pessoa sepultada de forma tão grandiosa há 1.600 anos.

Agora, após anos de estudos, os pesquisadores dizem que a mulher possivelmente fez parte da elite que governou nos últimos momentos de uma Grã-Bretanha romana. Segundo Roger Tomlin, especialista no período histórico, "é concebível que ela tenha sido a esposa de um dos últimos governantes romanos da Grã-Bretanha".

Fontes