Argentina passa a ser segundo país em número de mortes por gripe suína

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

15 de julho de 2009

Brasil

Notícias relacionadas
Pessoas na Cidade do México vestindo máscaras em um trêm pelo vírus H1N1
Mais informações sobre a Gripe:


O número de pessoas mortas por influenza A (H1N1) na Argentina chega a 137 e deixa o país em segundo lugar no mundo, atrás dos Estados Unidos, com 211 mortes, e em terceiro, o México, com 124 mortes.

De acordo com o Ministério da Saúde da Argentina, uma das áreas mais atingidas pela doença é a cidade de Buenos Aires, onde 1.008 casos foram confirmados e 11 pessoas morreram. A maioria dos infectados (14,9%) tem idade entre 5 e 9 anos.

O governo da Argentina convocou os ministros da Saúde do Brasil, do Chile, do Uruguai, do Paraguai e da Bolívia para participar hoje (15) de uma reunião que unifique estratégias de combate contra a gripe suína.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati