Arábia Saudita reconhece como pecado usar Wi-Fi de alguém sem autorização

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

3 de junho de 2016

Um teólogo da Arábia Saudita, Ali al-Hakami, emitiu uma fatwa (decreto religioso em árabe) contra o uso do Wi-Fi de alguém, sem permissão, como peculato no islamismo é considerado um pecado grave.

O Washington Post citou Ali al-Hakami:

Não use o serviço de Wi-Fi de forma ilegal e sem aviso prévio dos beneficiários ou fornecedores. Antes de usar o serviço Wi-Fi, você deve consultar com seu provedor de serviços ou a pessoa pagar por isso.

Como se afirma no fatwa, o uso de redes Wi-Fi em parques públicos, shoppings, escritórios do governo, cafés, hotéis e outros locais públicos não é um pecado.

A fatwa semelhante condena a utilização ilegal da internet de outra pessoa, foi publicado em Abril deste ano pelo Departamento de Assuntos Islâmicos e atividades de caridade em Dubai. Os autores do documento dizem:

Não use o que pertence a outros, sem pagamento ou permissão. Assim, a internet é para ser usado somente depois de uma subscrição do serviço.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati