Acidente aéreo mata o presidente da Polônia e outras 95 na Rússia

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Aristóteles
Outras notícias sobre política


10 de abril de 2010

Smolensk, Rússia

O presidente da Polônia Lech Kaczyński, sua esposa, alguns membros de seu gabinete, o general chefe do Estado Maior e outras autoridades civis, religiosas e militares polacas morreram em um acidente aéreo ocorrido à 10h56min (horário de Moscou - 06h56min UTC).

Lech Kaczyński, presidente da Polônia vítima do acidente.

O avião, um Tupolev Tu-154 que partiu de Varsóvia, pretendia aterrizar numa zona de difíceis condições de visibilidade na cidade russa de Smolensk quando sofreu um acidente no qual não se registraram sobreviventes. A aeronave viajava com 96 pessoas que iriam a uma homenagem em memória dos 70 anos do Masacre de Katyn. As causas do acidente estão sendo investigadas.

A grave situação gerou um clima de crise nas principais instituições políticas e militares polonesas. Há a possibilidade de antecipação das eleições presidenciais. Devido ao incidente também se prevê um revezamento dos principais controles em todas as forças militares e em outras instituições políticas, civis e religiosas como o Banco Central da Polônia e o Parlamento Polaco. O Primeiro Ministro Donald Tusk, que se dirige a Rússia, decretou uma semana de luto oficial em todo o país.

Líderes políticos de todo o mundo manifestaram suas condolências pela tragédia. O Secretário-Geral da ONU Ban Ki-moon, o Papa Bento XVI, a União Europeia e diversas nações e instituições pelo mundo se pronunciaram, enviando mensagens de consternação e de consolação para o povo polaco.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati