260 pessoas podem ser reféns de piratas na costa da Somália

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Attention niels epting.svg
Como parte da política de proteção do Wikinotícias, esta notícia está protegida.

11 de abril de 2009

Localização geográfica da Somália, no chifre da África.

Pelo 260 pessoas são mantidas como reféns resultante de ataques piratas a embarcações na rota marítimas que passam na costa da Somália, de acordo com dados da Agência Internacional Marítima, um grupo de observação de ações piratas, subdivisão da Câmara Internacional de Comércio. Diversos navios de várias nacionalidades estão submetidos a estes piratas que usam lanchas fortemente armadas para seus ataques.

Fontes

Ver também